quarta-feira, 26 de maio de 2010

Dias

(Arthur Henrique)

O amor tem disso,
Nunca anda sozinho,
Como tudo nessa vida,
Todo amor traz uma dor.

E talvez seja por isso que amar seja tão divino,
Quem sabe não é por isso que se aprende no sofrer,
Assim um dia amar não se torne uma dádiva,
E sofrer seja apenas um bem necessário pra viver.

Muito pior que uma dor presente,
É um amor ausente,
Presente na saudade.

De repente viver seja isso,
Dias de dor,
Dias de amor.

6 comentários:

  1. Olá escritor, sou agente literária e estou divulgando o projeto Pontes dos sonhos, sou ativista cultural e trabalho para o Intercâmbio Internacional Pontes culturais, um projeto que auxilia escritores á publicarem no exterior, lança concursos junto com editoras e envia trabalhos. Este projeto está lançando um livro para a feira de Frankfurt, que custará apenas R$25,00 por texto selecionado, serão 100 textos, em categorias diversificadas como poesias,contos, crônicas, minicontos, enfim, todos podem participar, mesmo não tendo publicado antes, pegue informações de como se inscrever no email escritora@izabellevalladares.com.br, sarahaniston1@yahoo.com.br ou escritora.viclopes@hotmail.com ou diretamente no blog: http://pontesculturaisintercambio.blogspot.com/ Um abraço:Victória Lopes

    ResponderExcluir
  2. adoreiiiii !!!! estava inspirado msm ehnn !!

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir